domingo, janeiro 21, 2007

Nothing to declare


“Nothing to declare” Luís Paulo Costa, 2001

7 comentários:

Frioleiras disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Frioleiras disse...

Gal. Cristina Guerra ...

As "perninhas" do Pinoquio ...

gostei mt...

linhas tortas disse...

M, tenho uma paixão por este trabalho "Nothing to declare" e tinha esta imagem guardada no meu pc para pô-la um qualquer dia destes. Ainda bem que o fizes-te tu.

"Nothing to declare"

:)

linhas tortas disse...

M,
Imagina, até pensei assim quando abri os segredos: opá, será que já postei e não me lembro?!

Imagina só como esta cabeça não anda!

intruso disse...

há sempre qualquer coisa a declarar...

@ disse...

(eu apito sempre)

holeart disse...

........

há sempre qualquer coisa que vai nos bolsos.

os segredos