sábado, janeiro 13, 2007





















Paul Strand, 1917

9 comentários:

linhas tortas disse...

Ocultação perigosa,
medo que gera medo.

Caiê disse...

Vemos o que desejamos ver. É muito fácil não ver o que não queremos e essa é a maior cegueira.

linhas tortas disse...

Isto anda muito parado! Não vem ninguém aqui?!

Anónimo disse...

photo - tambem tive para postar esta

A disse...

Muito bom.

Esmagadora, esta imagem.

Mais uma que vale por mil palavras

:)

Beijinhos a todos

intruso disse...

ver o que se quer, ou o
obvio, ou o difícil...
não ver de todo, nada.

e o medo, sim
como um ciclo contínuo.

(as "visões" de P.Strand são excelentes...)

A. disse...

J.

...não consigo entar no teu blog.




_________________________???

:/

A. disse...

...pois.


não o vejo...é mesmo isso.





______________________________...

Mónica disse...

ZERO????